Em terras digitais, quem tem like é rei. Quem tem share é Deus. Se não curte, adeus. E não diz que não avisei! Um amor virtual com gostinho de tweet. Assim, amado, ligado, conectado, e passou voando, em um clique. No HTML da vida, cada detalhe tem razão de existir. E se o código sair errado, refaça antes de dormir. Se desistir, já sabe, é só botar no modo avião. Mas se ele perdeu a razão, fica quieto e não se mete. Afinal, ninguém mandou printar a tela do meu último snapchat. Não perdoe! Hashtag chateado! Não te adicionei na minha vida, não se sinta tagueado. Não me marca nessa foto, que isso eu chamo de armadilha. Vamos fazer um combinado? Nem eu te curto, nem você me compartilha.

Anúncios